Minha mãe virou avó

Ela estava bem emocionada, andava pra lá e pra cá na sala, sem parar. Falou com algumas pessoas por telefone, dividiu o ocorrido. Era meio que inevitável, todos se perguntavam se já não era hora disso acontecer. Depois de mais de vinte anos. A filhinha querida dela, sempre rodeada de cuidados, de atenções. Aconteceu. Quando meu pai chegou, ele recebeu a notícia. Não se abalou.

Minha mãe resolveu o que fazer, não tinha outro jeito. Pegou outro vaso e dividiu a Samambaia. Sim, os que me conhecem melhor sabem que não sou filha única: aqui em casa somos eu e a samambaia. Sendo que ela é a filha mais querida!

Apresento-lhes a Nova Samambaia, Samambaia 2... como quiserem!

Hoje, depois de mais de vinte anos, “a” samambaia virou “as”. Numa operação de risco, criamos um outro vaso, com novo xaxim e tudo que tinha direito.

Com todo esse sofrimento, brinquei: é a filha da Samambaia!

E séria, ainda muito agitada, minha mãe respondeu: essa é novinha, vai precisar de muitos cuidados para pegar!

É… tudo isso porque ela agora é avó de Samambaia…!

Isso porque não foi a outra filha dela….! Eu falo que a Samambaia é a preferida!

Por Ana Elisa Bassi

Uma resposta to “Minha mãe virou avó”

  1. Mariana Says:

    realmente, a relação da dona Sandra com a samabaia é inexplicável e muito bonita! como de mãe e filha msm!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: